segunda-feira, maio 15, 2006

Mãe...

Quem é essa mulher, que me olha curiosa e feliz?

Essa mulher que me admira, que deixa escorrer uma lágrima enquanto eu choro e faço meu primeiro contato com o mundo real. Agora, longe da proteção da placenta, ouço bem de pertinho a voz que ouvi de longe, durante nove meses. Ela tem uma ansiedade de criança, traz orgulho nos olhos e emoção nas palavras. Ela me ama incondionalmente. Essa mulher é a MINHA MÃE.

Que muitos dias como esse se repitam em nossas vidas!

4 comentários:

Murilo Ribeiro disse...

Quem bonito, Bella!
E que bom que voltou à blogosfera!!!
Bj!

tia Sonia disse...

Belzinha,

Que bom que vc estava inspirada e escreveu esta coisa linda!!!

Emoção saindo pelos poros!!!

Beijos tia Sonia

re_bonora disse...

Que linda homenagem Bel! Bom ver que sua inspiração voltou, ou melhor, que vc a colocou para fora novamente. Sua mãe tem motivos de sobra para se orgulhar mesmo. Parabéns Dona Vera!

Marco Santos disse...

Vera Regina, minha querida! Bendito seja o seu ventre por ter colocado no mundo uma criaturinha tão especial como a Isa, a Bela! Beijo pras duas.